segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Filme "Paixão Eterna": Romance e espiritualismo

PAIXÃO ETERNA (Made in Heaven, ano: 1987) é, sem dúvida, um destes filmes românticos bem produzidos que conseguem cativar o espectador, principalmente aos casais. Também tem um tema espiritualista, como veríamos também em outras películas românticas como “Ghost” e “Amor Além da Vida”. Contudo, independendo de crenças e doutrinas, é um filme bonito, mágico, e inesquecível, que certamente agradarão não somente aos namorados, mas também a Família.

Em 1952, enquanto dirigia para a Califórnia para começar uma vida nova, o jovem Mike Shea (Timothy Hutton, filho do falecido ator Jim Hutton, que morreu de câncer em 1979 e contracenou com John Wayne em Heróis do Fogo/ Hellfighters, em 1968- e atualmente Timothy faz a série televisiva Lavarege) acidentalmente morre ao fazer um ato heróico. Apesar de chafurdar em sua vida, tendo problemas para manter um emprego estável, e como se não bastasse estas complicações, sua suposta namorada esta prestes a casar com outra pessoa, Mike não estava pronto para deixar a vida.

No céu, ele descobre que apesar de ser um mundo fantástico, ele ainda tem as emoções humanas. Depois de encontrar algumas pessoas conhecidas da sua vida na Terra, inclusive sua Tia Lisa (Maureen Stapleton, 1925-2006), Mike se encontra com uma bela mulher, Annie Packert (Kelly McGillis, estrela de Top Gun-Ases Indomáveis), uma nova alma que nunca reencarnara antes, e os dois se apaixonam.

Mike também descobre que do outro lado da vida as pessoas podem voltar à Terra através da reencarnação. Assim, quando Annie é enviada primeiro, Mike implora ao homem responsável para esta missão, Emmett (a atriz Debra Winger, irreconhecível), uma espécie de anjo, para voltar à Terra. Mas sob uma condição: Mike terá 30 anos para encontrar Annie, caso contrário, cada um terá uma vida infeliz com outras pessoas.

Annie e Mike reencarnam como Allison Chandler e Elmo Barnett respectivamente. Cada um carrega um pouco da sua experiência com o outro no céu para o seu subconsciente no novo corpo, com Allyson manifestando-se em um amigo de infância imaginário chamado Mike, enquanto Elmo cresce para ser um vagabundo. Este passa a receber uma pequena ajuda do Céu e de algumas pessoas de sua vida passada.

Annie/Allyson torna-se uma designer de brinquedos de sucesso, casada com um cineasta. Enquanto isso, Mike/Elmo é um garoto muito desorientado, que tenta de tudo, como ser um pintor, um soldado, e posteriormente um cantor que não dá certo, ele consegue se tornar um compositor bem sucedido. Muitos anos se passam, mas parece que Mike e Annie estão tendo algumas dificuldades para se encontrar outra vez, mas dificuldades que por fim são superadas quando definitivamente se encontram.

Esta película foi lançada nos cinemas em 1987, e lançada em vídeo VHS no fim dos anos 80. Infelizmente ainda não foi lançado em DVD no Brasil, tornando esta obra do cinema romântico uma raridade de se ver ou adquirir, mas que tive o prazer de conhecer nestes últimos dias graças ao empenho de uma grande mulher que tive o prazer imenso de conhecê-la em 2010. Certamente, ela lerá este artigo e saberá que é dela que falo.

O filme não esta aqui defendendo a crendice da reencarnação (que pessoalmente eu não acredito), mas apenas oferecendo uma sugestão que poderia até explicar a afinidade que temos pelas pessoas, e por pessoas que mal conhecemos, mas que ao decorrer de nossas vidas se tornam pessoas super especiais. Tanto que no prólogo do filme diz: A história que você verá poderia ser verdadeira. Você pode até conhecer alguns dos personagens. Quem sabe, não possamos nos identificar com tais personagens no decorrer de toda projeção do filme? Isto é perfeitamente possível.

No elenco, além de Timothy Hutton e Kelly McGillis, ainda despontam Ann Wedgeworth, James Gammon (falecido em 2010), o veterano Don Murray (de Nunca fui Santa/Bus Stop, com Marilyn Monroe) como o pai de Allyson, David Rasche (da série de TV Na Mira do Tira/Sledeg Hammer) e Amanda Plummer. A Direção é de Alan Rudolph.

Indicado para todos os casais que verdadeiramente se amam, e que acreditam que foram feitos um para o outro, conforme dita o título original, no Céu.


ASSISTA O VÍDEO - CENAS FINAIS.







16 comentários:

  1. Caríssimo Paulo, seu blog é muito completo e interessante - ainda mais pela seleção de filmes e pela maneira detalhada que você fala da obra, com muita propriedade.

    Este é um filme nostalgico, sentimental e interessante, poucos cinéfilos conhece. Eu achei numa locadora, há uns 10 anos. Pois gosto muito de Tim Hutton, ator que levou oscar no filme de Robert Redford, em 1980 (gente como a gente).

    Seu texto me deixou com vontade de conferir o filme, novamente!

    olhe, te linkei ao meu blog e te sigo aqui já. Espero que goste do meu.

    Volto mais aqui, pois tem muita coisa pra ler e comentar. abraço!

    ResponderExcluir
  2. Ótima sinopse. Ainda não vi esse filme, mas pelo o que você descreve parece ser bem emocionante. Eu, sou apaixonada por filmes com espiritualismo, até hoje ainda choro todas as vezes que vejo "Ghost". Parabéns pelo blog, boa tarde. bjs

    ResponderExcluir
  3. Prezado Cristiano

    Passei no seu espaço e estou seguindo também. Seu blog é magnífico e pode esperar futuramente comentários meus. Agradeço muito e um grande abraço.

    C.M

    Aconselho a assistir. é tudo que posso dizer além do que já disse no artigo. Bjs e tudo de bom.

    ResponderExcluir
  4. Caro Paulo,

    Depois de ler seus comentários fiquei com muita vontade de assistir ao filme "Paixão Eterna", pois adoro filmes românticos. Vou aguardar o lançamento em DVD ou ver se encontro na net pra baixar... Abraços

    ResponderExcluir
  5. Que saudade de um bom filme romântico nos dias atuais!!

    ResponderExcluir
  6. Olá, Paulo.
    Gosto muito de seu blogue e, por isto, estou te presenteando com um selinho. Passe lá no meu espaço e pegue o seu presente.

    www.classicosnaoantigos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ops, é www.classicosnaoantigos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Antonio

    Não sei exatamente quem é este diretor, assim como só vim a conhecer este filme há cerca de um mês.

    A Debra Winger eu vi nos créditos, mas custei a identificar de início, pois ela faz o papel do anjo de Mike, isto é, um anjo do sexo masculino. Ela esta deveras travestida, e pelo site do IMDB, pude confirmar a participação dela. Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Olá Marcia

    Agradeço pelo selo, obrigado pela lembrança. Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Esta foi uma indicação, não assisti. Verei se acho em alguma locadora ou então procurar baixar da net. Abraços

    ResponderExcluir
  11. Recomendo, Antonio. Acho que não saiu em DVD (só há anos, em VHS), mas possivelmente encontre para baixar na net. Abraços.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Paulo, sabe que apesar de ser romântica e ser um filme da época da minha adolescência, não o assisti. Com certeza é uma ótima sugestão, já está anotada. Um abraço!

    ResponderExcluir
  13. É da minha adolescência também, rs.

    É um ótimo filme, para se ver perto com quem amamos, tenha certeza. Forte abraço.

    Paulo Néry

    ResponderExcluir
  14. pAULO,
    O NELL YONG FAZ UMA PONTA DE CAMINHONEIRO NESTE FILME, QUE REALMENTE É SENSACIONAl.

    MILTON

    ResponderExcluir
  15. Olá porfavor gostaria de saber com faço para ter o filme paixão eterna , quando vi este filme a primeira vez eu tinha 18 anos ele havia passado na tv canal SBT em cinema em casa nunca me esqueci , sempre tive vontade de revê-lo mas nunca consegiu por favor me oriente como fgaço para comprar o dvd ou fita deste grandioso filme . Hoje estou com 35 anos e nunca esquecereiiii...... Obrigada pela atenção meu imail(gabyfernandes72@yahoo.com)

    ResponderExcluir
  16. Querido Paulo, eu não conhecia este filme. mas lendo sua matéria fiquei bastante interessada. Vou ver com brevidade. Obrigada pela dica. Adorei seu BLOG_ Parabéns!!! beijos

    ResponderExcluir

NOTAS DE OBSERVAÇÃO PARA PUBLICAÇÃO DE COMENTÁRIOS.

1)Os Comentários postados serão analisados para sua devida publicação. Não é permitido ofensas ou palavras de baixo teor. É Importante que o comentarista se identifique para fins de interação entre o leitor e o editor. Comentários postados por "Anônimos" sem uma identificação ou mesmo um pseudônimo não serão publicados e serão tratados como spam

2)Anúncios e propagandas não são tolerados neste setor de comentários, pois o mesmo é reservado apenas para falar e discutir as matérias publicadas no espaço. Caso queira fazer uma divulgação, mande um email para filmesantigosclub@hotmail.com. Grato.

O EDITOR


“Posso não Concordar com o que você diz, mas defenderei até a morte seu direito de dize-la”

VOLTAIRE

Outras Matérias

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...